sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

NOVO ANO

    
 Ao findar o ano, contabilizas tuas conquistas materiais.

                                                  <>><><>

         Enriqueceste o patrimônio.
         Adquiriste a moradia de teus sonhos.
         Empreendeste a viagem tão esperada.
         Lucraste nos negócios.
         Frequentaste os salões de moda.
         Conquistaste posições de destaque.

                                                 <><><>

         Por isso, nas horas que antecedem a entrada do Ano Novo, é natural que teu coração seja palco de entusiasmo e euforia, alimentado pela convicção de inúmeras vitórias.
         Entretanto, diante de tantos benefícios a ti mesmo, é justo perguntar o que fizeste em favor do próximo.

                                                <><><>

         Destinaste ao faminto as sobras de tua mesa farta?
         Colaboraste com o necessitado sem abrigo?
         Visitaste alguém castigado pela solidão?
         Abriste a carteira ao infeliz em penúria?
         Usaste tua influência para amenizar o sofrimento alheio?
         Favoreceste com a peça de roupa o irmão quase nu?
         Socorreste o doente sem recursos?
         Semeaste solidariedade, fé e esperança?

                                               <><><>

         No alvorecer de novo ano, interroga tua consciência se realmente estás a caminho do bem. A Lei Divina não te impede de conquistar o melhor para ti, mas registra, na contabilidade da vida, os investimentos na fraternidade.
         Em razão disso, reparte tuas alegrias com os que choram à tua volta, serve, trabalha e ajuda, na certeza de que Jesus foi claro e objetivo ao traçar o roteiro do bem, afirmando sem qualquer vacilação: "Ama teu próximo como a ti mesmo".

Fonte: do livro VIVENDO O EVANGELHO, pelo Espírito André Luiz, pelo médium Antônio Baduy Filho.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

DOMINGO TEM PROJETO AMAR

O Projeto Amar é um trabalho feito por jovens espíritas.
Eles acreditam que a arte pode
ajudar o progresso das pessoas.
O Projeto Amar reúne jovens artistas e apreciadores na realização de um sarau musical.
Uma vez por mês, nas Casas Espíritas,
o Projeto Amar acontece.
No próximo domingo será a vez da Casa do Caminho receber o evento.
Todos podem participar. Você também pode!
Esperamos a sua presença. Participe!


domingo, 11 de dezembro de 2011

Uma técnica para os grupos de estudo da Doutrina Espírita: Treinando o aprendizado


          Quando se estudam os grandes homens e mulheres que fizeram a diferença na história da Humanidade, é difícil não pensarmos no filósofo grego Sócrates como integrante desse grupo. Com seu jeito irreverente de questionar seus interlocutores, o filósofo nos ensinou que o bem viver é de fundamental importância para a nossa felicidade.
         “Uma vida não analisada não vale a pena ser vivida” dizia Sócrates, demonstrando o papel central do estudo na vida. Este estudo não se limita apenas ao acúmulo de informações, mas se constitui também da reflexão e o debate sobre pensamentos, sentimentos e ações na existência.

          Nos tempos atuais essas práticas sugeridas por Sócrates ganharam força no meio corporativo e uma nova forma de trabalho aparece para dar peso ao aprendizado das pessoas. Este processo se chama coaching, que do inglês significa treinamento. A pessoa responsável por conduzir este processo é o coach (treinador) e adquire papel relevante no autoconhecimento dos indivíduos durante o processo.
          O coach desempenha alguns papéis importantes durante um trabalho de treinamento. Ele pode atuar como professor, quando fornece informações para as pessoas; facilitador, quando organiza um debate entre integrantes de um grupo; estimulador, quando faz perguntas que mexem com as pessoas e ajudam a perceber pensamentos, sentimentos e questionamentos.

          Nossos grupos de estudo da Doutrina Espírita podem se beneficiar grandemente desta prática de treinamento, uma vez que um grupo de estudo é composto por pessoas desejosas de conhecimento, de aperfeiçoamento emocional e de melhores comportamentos no dia a dia.
O coordenador do grupo de estudos não precisa, nem deve, desempenhar o papel único de professor, como se fosse o detentor de todo o conhecimento. Ele pode servir como um coach que facilita o aprendizado de todos ao fazer perguntas estimulantes, ao facilitar o debate sadio e ao se incluir como integrante de um grupo disposto a aprender.
          Mais do que ensinar a Doutrina Espírita, nossos grupos têm a força, o potencial para construir relacionamentos fraternos que permitirão a prática dos ensinamentos adquiridos. Quando se entra em um grupo com o intuito de contribuir com perguntas, respostas e demonstrações de afeto, o objetivo primordial da doutrina de tornar o ser humano melhor começa a ser atingido.

          A prática do processo de coaching durante os estudos pode contribuir para essas conquistas. Quando o coordenador passa a desempenhar esse papel, ajuda os integrantes do grupo refletir sobre suas dúvidas, seus desejos e sentimentos. Passa a facilitar o crescimento das pessoas, sem a obrigação de ser o “detentor de todo o conhecimento”.
          Quando um grupo se dispõe a estudar a Doutrina Espírita seriamente, com o recolhimento e a concentração necessários, sempre teremos o amparo das forças superiores. O coordenador pode então atuar como um Coach, assumindo diferentes papéis conforme a necessidade dos participantes.

          Ao assumir essa postura, o coordenador passa a transmitir conhecimentos, a despertar sentimentos e a incentivar condutas retas e virtuosas. O grupo por sua vez se sente acolhido, estimulado e satisfeito por ter um amigo, um professor e um coach.

Fonte: Jornal “Mundo Espírita”, da FEP, Edição 1517, dezembro/2010, Coordenadoria de Estudos da Doutrina Espírita.

domingo, 4 de dezembro de 2011

ORAÇÃO À MARIA

Oração à Maria

Maria de Nazaré
Oh Mãe de puro Amor!
A ti rogamos com fé
Resistência em nossa dor


Acalenta os corações
Que sofrem em aflições
Acolhe-nos oh Mãe de Luz!
No Amor de Seu filho Jesus


Sê bendita oh Senhora!
Mãe de toda a humanidade
Sustenta-nos no labor
Nos serviços da caridade


A ti agradecemos
Pelas providências tomadas
Quando nos caminhos nos perdemos
Puseste luz em nossa estrada


Abençoa oh Senhora!
Os desvalidos de agora
São eles nossos irmãos
Perdidos na ilusão


Vem, oh Mãe Divina de Luz!
Guiar- nos para Jesus
No caminho de volta ao Pai
Por nós oh Mãe Santa orai!


Um Espírito Amigo do Bem


Poema psicografado em reunião mediúnica
da Casa do Caminho, no dia 29/11/2011 (terça-feira)
Médium: Lilia Soares